quinta-feira, 24 de julho de 2008

AGORA A REALISTA SOU EU...


O pessimista queixa-se do vento.

O otimista espera que ele mude.

O realista ajusta as velas.

(Willian George Ward)

2 comentários:

Monica disse...

É... algumas coisas na vida necessitam de um desprendimento! Acho que depois que a gente cresce, as coisas de antes não têm mais a mesma dedicação (e até vontade mesmo) de nossa parte. Isso faz com que repensemos.
Dói (posso te garantir), mas o alívio é mto maior.

Não consigo me arrepender de nenhuma das minhas decisões.

Mas se eu pudesse te aconselhar diria que vc só faça o que seu coração mandar. O meu mandar parar... e o seu? O que diz?
Bjãoooo

mar disse...

muito bom!