segunda-feira, 5 de março de 2007

E AINDA SE VIER NOITE TRAIÇOEIRA...


E como seremos eu e o Capitão de noivos? De vez em quando a ansiedade bate recordes. E quando uma coisa me deixa muito ansiosa eu fico tão perturbada do juízo que prefiro que a tal "coisa" nem exista! Assim, que tal se hoje já fosse 27 de julho?

Então vi (de novo) fotos de casamento e pensei no meu, daqui a 4 meses e 22 dias. E pensei que falta tudo, nada está oficialmente organizado. E imaginei: "Meu Deus, daqui a pouco estarei eu num vestido branco igual a esse, e o Capitão com cara de pinguim!". Deu um medo inexplicado.

Porque às vezes se espera tanto uma coisa que aquilo passa a dar medo. Ou então sou eu que estou de fato com o juízo perturbado... Porque é o dia mais desejado, o acontecimento mais querido, a realização de tantos sonhos, tudo num só momento! Porque faltam 4 meses e 22 dias para eu ser feliz!!! E o ser humano nunca está preparado para a felicidade, já repararam? Quando se tem medo de alguma coisa, o espírito fica preparado para o pior. No dia em que saiu o listão do meu último vestibular eu fui andando da UNICAP ao Contato pensando "Tudo bem, se não der certo para a UPE, eu passo na Federal, eu sou uma pessoa forte, não vou me desesperar caso não passe outra vez e blá-blá-blá...". Eu não estava preparada para ver meu nome no listão, mas estava pronta para suportar a dor de não vê-lo. Por isso quase caí dura quando vi que tinha passado. A gente não sabe o que fazer diante da possibilidade de algo muito bom acontecer. E tudo que a gente não sabe como vai ser dá medo.

Então, capela lotada, todas as pessoas que eu amo na minha frente, "She" tocando ao fundo e eu de branco: como vai ser? Depois que todas as atuais preocupações com apartamento, móveis, fotos, buffet, vestido tiverem sido resolvidas e o Capitão estiver lindão me esperando lá na frente, e aí? E aí que dá vontade de se esconder debaixo da cama, como faz Téo quando tem medo de alguma coisa. Tem um espacinho pra mim?

O Senhor é minha luz e salvação
De quem eu terei medo?
O Senhor é a proteção da minha vida
Perante quem eu tremerei?

Ó, Senhor, ouvi a voz do meu apelo
Atendei por compaixão
Meu coração fala convosco confiante
É vossa face que eu procuro

Não afasteis em vossa ira o vosso servo
Sois vós o meu auxílio
Não me esqueçais nem me deixeis abandonado
Meu Deus e Salvador!

Sei que a bondade do Senhor eu hei de ver
Na terra dos viventes
Espera no Senhor e tem coragem
Espera no Senhor!
(Salmo 26)

3 comentários:

Monica disse...

É Marcella, a mudança é radical e o medo, às vezes, é inevitável!
Mas é só pra temperar... vc vai ver que esse medo passa, diante de tanta coisa boa que estar por acontecer!
Quero conversar com vc... preciso saber de umas coisinhas rsssss

Ahhhhhh, e lá na festa de Luuuu o nome que mais rolou foi o de Lulinha! Tu sabe quem é?
rsssss

Bjocassssss

Maria Carolina disse...

E minha vida que nada muda...
Não consigo estudar... vi o que não devia... e estou fazendo bobagens no msn.
E sendo castigada no msn... pq já me avisaram tanto pra eu não fazer mais isso.
E estou angustiada e confusa...
E pq ainda não sei como contar 750 uvas. Posso trocar? Hahahahaha!
Mas o veleiro voltou e dia 27 de julho todos seremos felizes... pq amigas casam (não uma com a outra, só a ruiva com o capitão) e amigas vão ao internato...
Nossa... isso tb me dá medo.
Beijos

mar disse...

nao gosto quando vc fala q faltam tantos dias pra ser feliz.. sei q sera ooooooootimo, mas seja feliz sempre amiga, tente tente tente sempre! bj